Notícias

Revestir, Kitchen & Bath e Exploux – novidades das feiras de construção

A Revestir e a Kitchen& Bath, que em 2010 aconteceram na primeira quinzena de março, trouxeram boas novidades para a decoração de interiores. Estive lá e destacarei algumas.

Uma das principais é a possibilidade de lançar mão de uma cerâmica ultrafina tanto para reformas, pois pode ser aplicada sobre pisos existentes, quanto para novas obras.  As peças variam de 6mm a 3 mm de espessura, dependendo da marca. Comparadas as medidas anteriores, aproximadamente 11 mm, dá para perceber que vale muito a pena!

É necessária uma argamassa específica e mão-de-obra especializada. Portanto, consulte um designer de interiores ou arquiteto, antes de aplicar.

Com essa novidade, a obra fica mais rápida e o material envolvido na fabricação diminui bastante. O peso fica cerca de 2/3 abaixo do convencional… tudo de bom!!

Fiquei encantada com as peças cerâmicas que adotaram desenhos em alta definição. A impressão digital foi uma grande sacada da Revestir. Você olha a cerâmica e tem certeza de que está vendo um mármore, ou uma tábua de madeira, pedra natural.. enfim… mal dá pra crer!

Ainda sobre as cerâmicas, alguns lançamentos imitam perfeitamente o papel de parede.


A Kitchen & Bath trouxe as coifas que  parecem luminárias e são absurdamente lindas! E grandes também… infelizmente, não são para todas as cozinhas…

Lançamentos Bertolucci

No início desse mês, fui convidada para o lançamento da nova coleção da Bertolucci.

São luminárias lindas, algumas recomendadas por designers famosos como o decorador Fernando Piva.

Débora Aguiar também compareceu ao evento e escalou uma das luminárias para fazer parte do time de decoração premiada da Casa Cor.

luminaria tropicana_bertolucci

Criada especialmente para a cozinha do "Apartamento do Solteiro" da Casa Cor 2009. Ambiente decorado por Fernando Piva.

A última tendência são as luminárias tamanho extra grande. Bota extra grande nisso!!

mega luminarias_bertolucci

Luminária Salomé (primeira foto), com estrutura de carvalho, cúpula de jacquard e altura de 1,78 m. A Titã (segunda foto), de alumínio e linho, chegou a 1,86 m de altura.A menorzinha era a Lolita (terceira foto), que tem base de tripé de freijó e 79 cm de altura. Por último, a Parintins (quarta foto): para acender a luz, bastava puxar a cordinha com pingente artesanal de araras de crochê.

Casa Cor  2009– Novas tendências

Sustentabilidade, tecnologia, questões ambientais, espaços voltados ao descanso e relaxamento, convívio familiar, todos esses elementos foram abordados na última edição da Casa Cor.

Neste ano a mostra foi considerada o segundo maior evento de decoração do mundo – não sou eu quem diz isso, mas sim o presidente da mostra Ângelo Derenze. São 124 ambientes expostos numa área de 44 mil m².

hall de entrada - Casa Cor 2009

No último final de semana, aproveitei o tempo livre (e o friozinho) para bater pernas e explorar os espaços desse evento grandioso. Essa, por sinal, é uma das deliciosas “obrigações” da profissão. Estar sempre antenada com as novidades. Vamos a elas, então!!

Natureza em alta nessa edição. Plantas subindo pelas paredes, tomando conta dos mais variados espaços.

Já na entrada um grande mapa do Brasil feito com plantas naturais saudava os visitantes e homenageava o centenário do paisagista Burle Marx.

obra de Gica Mesiara

obra de Gica Mesiara

Madeira, muita madeira. Certificada ou de demolição, é claro!

Até a piscina ganhou revestimento nesse material (veja foto abaixo).

piscina

Mas, “nem tudo que reluz é ouro”! Para projetos mais econômicos, a aposta recaiu sobre materiais que imitavam madeira. Concreto, painéis com revestimento vinílico, cerâmica e laminados decorativos se prestaram a esse papel.

Tons invernais como marrons, azuis, verdes, beges e cinzas apareceram com força.

Um certo ar retrô estava presente em muitas composições. Ia dos papeis de parede ao design de móveis e eletroeletrônicos.

Uma das boas novidades foi a lareira ecológica. Se você pensou na lareira à gás, mude seus conceitos. A atual é abastecida com biocombustível!  Confira:

lareira ecológica

A preocupação com o “ambientalmente correto” também incluiu os transportes. Bike Parkings incentivaram os visitantes a fazer uso da “magrela” para percorrer os vastos espaços do Jockey.

Enfim, uma mostra voltada para as questões contemporâneas. Como não podia deixar de ser!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: